Vídeo impressionante retirado da Deep Web de um Experimento em humano

Não é de hoje que se sabe que a Deep Web é palco para as mais diversas atrocidades humanas. Diversas coisas horripilantes são encontradas todos os dias por nossa equipe. Fóruns que ensinam canibalismo, experimentos humanos e torturas. Mas algumas coisas passam de todos os limites e impressionam até os mais experientes.

UM VÍDEO IMPRESSIONANTE

A descrição do vídeo é que em um laboratório clandestino, retiraram braços, pernas e o mais impressionante: a cabeça, e que a pessoa continua viva. Perguntas: Será que é possível um ser humano sobreviver sem a cabeça? O que são esses movimentos? Como pode alguém fazer isso com um ser humano?

Abaixo temos um vídeo impressionante de um experimento humano feito em uma pessoa ainda “viva”.(Será?). Bom, assista o vídeo e depois continue a ler (Vídeo não recomendado para pessoas sensíveis):


Assistiu? Ok, se você não for uma pessoa que goste de ler, pesquisar e não desconfia de tudo que vê na internet, possivelmente você compartilhou esse conteúdo dizendo: “MEU DEUS, OLHA O QUE O SER HUMANO É CAPAZ DE FAZER” mas eu vou te contar a real desse vídeo…

ESTAMOS DIANTE DE UMA…MENTIRA

Na Deep Web esse vídeo rola em fóruns de torturas ou experimentos humanos, dizendo ser feito com uma vítima ainda viva, feito em laboratório clandestino e blablabla. MENTIRA!

O vídeo retrata realmente de testes em um corpo humano, porém em um cadáver. Esse é um teste de impulsos elétricos passando por um corpo humano, realizados por uma universidade de medicina e filmado por alguns alunos. O corpo está recebendo até sangue, como podemos observar. É simples trazer um corpo humano de volta a vida, basta uma serie de impulsos elétricos. São apenas tecidos funcionando, sem funcionalidade. A vida tem um ciclo único: nascimento, envelhecimento, falha genética, morte cerebral e outros acasos.

Bom, agora que você já sabe a verdade, me desculpe pelo sensacionalismo no começo, agora compartilhe com seus amigos para ver se eles vão ler até aqui  e conhecer a verdadeira historia por trás deste vídeo.

Compartilhe:

Michel Belli

Poste um Comentário:

0 comments so far,add yours