Na realidade, fazer resoluções de ano novo é uma coisa boa.


1. Resolução: emagrecer.

1º de janeiro: Vou perder dez quilos.

Realidade:


31 de dezembro: Engordei 15 quilos.

2. Resolução: ganhar mais dinheiro.



1º de janeiro: Vou guardar R$ 5.000 na poupança.

Realidade:


31 de dezembro: Tive que renegociar a fatura de R$ 5.000 do cartão de crédito.

3. Resolução: aprender um novo idioma.


1º de janeiro: Finalmente vou dominar o espanhol.

Realidade:


31 de dezembro: Pelo menos eu não piorei no inglês.

4. Resolução: ler mais.


1º de janeiro: Vou terminar dois livros por mês.

Realidade:


31 de dezembro: Só dormi e fiquei na internet.

5. Resolução: se apaixonar.


1º de janeiro: Vou encontrar o amor da minha vida.

Realidade:

31 de dezembro: As lágrimas têm sido o meu alimento dia e noite.

6. Resolução: exercitar-se mais.


1º de janeiro: Vou fazer uma hora e meia por dia de atividades físicas.

Realidade:


31 de dezembro: Fiz levantamento de hambúrguer duas vezes por semana.

7. Resolução: pegar leve na bebida.


1º de janeiro: Nunca mais vou exagerar.

Realidade:


31 de dezembro: Coma alcoólico.

8. Resolução: brigar menos.


1º de janeiro: Amiiiiiga!

Realidade:


31 de dezembro: Estamos há 0 ano(s) sem fazer barraco no réveillon.

9. Resolução: viajar mais.


1º de janeiro: Vou percorrer o mundo inteiro.

Realidade:


31 de dezembro: Com o total de quilômetros percorridos de ônibus ao longo do ano daria pra ter ido até o Japão 50 vezes.

10. Resolução: ser mais saudável.


1º de janeiro: Vou comprar o livro novo da Bela Gil.

Realidade:


31 de dezembro: O livro da Bela Gil custava o mesmo que um pote de um quilo de Nutella.

Compartilhe:

Karina Faris

Poste um Comentário: