Uma empresa de segurança da cidade japonesa de Koka, conhecida por sediar uma das únicas escolas ninja oficiais do país, afirma ter tido sucesso ao vestir seus guardas como os lendários guerreiros.

Uma empresa de segurança da cidade japonesa de Koka, conhecida por sediar uma das únicas escolas ninja oficiais do país, afirma ter tido sucesso ao vestir seus guardas como os lendários guerreiros. Tudo começou em 2016, quando a SCC Co. tentou entrar na crescente popularidade do turismo ninja do muncípio. A empresa colocou seguranças trajados como ninjas para promover o controle de trânsito.


Desde então, o esquadrão ninja vem sendo chamado cada vez mais. De acordo com a presidente da empresa, Maya Miyoshi, a expectativa é de que a empresa consiga um contrato para trabalhar nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. “Ninjas são conhecidos mundialmente e nós queremos que as pessoas se sintam confortáveis em lugares de práticas esportivas”, diz.

A própria executiva se veste como uma kunoichi, ou uma ninja mulher, para promover os serviços de sua companhia. O traje inclui um uniforme similar ao do judô, uma estrela ninja de brinquedo e um cassetete em forma de espada. Miyoshi afirma que sempre gostou de fazer as coisas de um jeito diferente e que isso acabou se refletindo em seu trabalho. “Eu queria mudar a indústria da segurança, que parece ser antiquada e sóbria”.

Desde que assumiu a companhia, em 2011, a empresária já vem utilizando sua experiência como designer para promover ideias consideradas heterodoxas, como vestir guardas com roupas amarelas. O novo modelo de negócios foi aprovado pelo público, incluindo estudantes e turistas estrangeiros, que constantemente pedem para tirar fotos com os profissionais.

Compartilhe:

Karina Faris

Poste um Comentário: