Grupo paulista formado por Dinho, Julio, Sergio, Samuel e Bento foi vítima de um acidente fatal de avião em Guarulhos, na grande São Paulo, em 1996

Irreverência, alegria e um estilo de música que conquistou o Brasil. Em pleno sucesso meteórico, há exatos 22 anos, os cinco integrantes do grupo 'Mamonas Assassinas' morreram em um acidente aéreo.

Era 02 de março de 1996, um sábado à noite, quando a família do vocalista Dinho o esperava no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, e soube que o jatinho em que ele estava havia sumido.

Por volta das 23h, a aeronave bateu em uma área de mata na Serra da Cantareira, também em São Paulo. Eles voltavam do último show da turnê brasileira antes do embarque para um pequeno giro em Portugal.

No domingo, o país acordou com a notícia e chorou a perda de Bento, Dinho, Júlio, Sérgio e Samuel.

Morte do 'Mamonas' completa 22 anos: relembre 10 curiosidades sobre a banda

Relembre 10 curiosidades sobre a banda

1 - A banda teve outros nomes cogitados: Tangas Vermelhas, Coraçõezinhos Apertados e Uma Rapa da Zé

2 - Cachê da banda chegava a custar R$ 70 mil, mais ou menos o mesmo valor cobrado hoje por Ludmilla

3 - A música Lá Vem o Alemão, único pagode do disco, teve participação de integrantes do Art Popular e Negritude Jr

4 - Produtor do disco, Rick Bonadio foi apelidado de Cruzeback pelos integrantes. O termo derivado de "playback" foi utilizado em algumas letras

5 - Rodrigo Faro chegou a ser anunciado como intérprete de Dinho em um filme sobre o Mamonas, mas o projeto não seguiu adiante


6 - O logotipo da banda era inspirado no da montadora Volkswagen

7 - Apesar disso, a banda teve outras homenagens, como virar enredo da escola de samba Inocentes de Belford Roxo, do Rio de Janeiro, em 2011

8
- A banda emplacou duas músicas no top 10 de 1995. Vira Vira foi a segunda música mais tocada no Brasil naquele ano, e Pelados em Santos ficou em terceiro lugar. A liderança é de Take a Bow, da Madonna.


9
- Mamonas Assassinas cogitou carreira internacional e gravou versão em castelhano de Pelados Em Santos, que virou Desnudos em Cancun

10
- A banda também teve música que foi transformada em trilha de novela. Sabão Crá Crá foi tema do personagem Mocotó (André Marques) em Malhação, em 1996, e Robocop Gay fez parte da trilha sonora de Caminhos do Coração, da Record, em 2007
Compartilhe:

Michel Belli

Poste um Comentário: